Quinta-feira, 31 de Janeiro de 2008
V EPISÓDIO- O que se está a passar comigo?-tenho medo!

Chegamos a casa e depois de ligarmos para as nossas mães ficamos a conversar.

Eu- Debs!

Debs-hum, fala.

Eu- nem me contas-te que estavas a nomarar com a Bill.

Debs-pois, e tu nem me contas-te que tavas a namorar com o Tom.

Eu- mas eu nunca disse que não gostava dos Tokio Hotel.

Debs- e não era eu que estava toda a hora a discutir com o Tom.

Eu- ok, pronto mas é melhor irmo-nos arranjar agora.

Debs- yh é melhor.

Eu- o que é vais vestir?

Debs- uma saia preta, umas meias rendadas pretas, uma bóina preta, aquele meu top branco

            com brilhantes pretos, umas sandalhas de salto alto brancas e tu?

Eu- eu vou por uma saia preta, umas meias de renda pretas pros braços e pras pernas, um top

       vermelho, e umas sandalhas de salto alto vermelhas, e aquele chapéu que eu adoro preto

       com brilhantes pretos.

Debs- o Tom vai te matar!

Eu- pk?

Debs- a tua saia preta é bwé curta "sister".

Eu- ele é meu namorado não é meu dono!

Debs- sabes k te admiro bwé n?

Eu- claro!

E começamos a rir. Arranjamos -nos e por volta das 11 ouvimos a campanhia e a Debs foi abrir.

Debs- quem é?

Bill- o teu diabo preferido!

A Debs abriu a porta. Quando os tokio a viram.Gritaram todos uou!

Bill- hey, o único que pode dizer isso sou eu, a dama é minha.

Começaram todos a rir e entraram.

O Tom pergunta por mim e a Debs diz que ja me vai chamar.

A Debs chega ao quarto e ve me desmaiada.

Começa a dar-me chapadinhas para ver se eu acordo e nada.

Vai ao quarto de banho buscar uma caneca com agua e atira-ma a cara então eu acordo.

Eu- hey, hey, o que é que pensas que estás a fazer?

Debs- estavas desmaiada, temos de te levar ao médico, vou pedir ao Tom que nos leve.

Eu- não Debs, não. Não foi nada foi só um simples desmaio.

Debs- um simples desmaio?!?. tás parva ou que?

Eu- eu não lhes quero estragar a noite e é a primeira vez que saio com o Tom, não foi nada.

Debs- mas pode ser grave, temos de ir ao médico.

Eu- eu não quero ver o Tom preeucupado.

Debs- e a mim, pk k não me contaste nada?

Eu- pk também não te keria assustada como tas agora.!.

Debs- temos de ir na mesma.

Eu- ok, pronto, mas vamos amnhã.Please.

Debs- ta bem, agora vamos para a sala e se te tiveres a sentir mal de novo diz me logo.

Eu- ta bem, mas não contes nada a ninguem, muito menos ao Tom.

Debs- ok, vamos.

Fomos para a sala. Os tokio hotel tiveram a mesma reacção comigo . UOU.

Tom- querem apanhar, ninguem diz isso a minha baby!

E comprimentou-me com um kiss super longo.

E fomos para a discoteca. Ainda bem que não nos empediram de entrar a mim e a Debs.

Dentro da discoteca o George e o Gustav encontraram compania e foram-se embora para um Hotel.

O Bill convida a Debs para dançar e o Tom convida-me. A Debs aceita, mas eu como estava um pouco tonta perguntei ao Tom se ele se emportava de não dançar esta musica comigo, ele disse que não mas eu sabia que ele queria mesmo dançar e ficou um pouco desiludido.

O Bill estava a dançar com a Debs e ele pergunta-lhe o que se passava e ficaram a conversar enquanto dançavam.

Bill- bebé, o que se passa tas com um ar preeucupado?

Debs- nada de mais, sabes que te amo?

Bill- não digas nada. (e beijoi-lhe no pescoço).

Enquanto isso eu estava na mesa com o Tom, e uma pita chega lá e convida o Tom para dançar eu como quem não se importa digo que ele pode ir a vontade, porque eu percebia que ele cria mesmo dançar, e não era eu que o ia estragar a noite.

Pita- Tom, tenho o meu carro lá fora, podiamos ir dar uma volta?

Tom-eu tenho namorada e ela ta ali sentada.

Pita- saimos sem ela dar conta.

Tom- hey, eu gosto dela, é melhor pararmos por aqui.

No fim da música ela morde-lhe o pescoço (cabra).E ele vem ter comigo.

Tom- baby...

Eu- o k foi?!?

Tom- tas xateada comigo baby?

Eu- não k ideia. Aquela pita estava a atirar-se a ti e mordeu-te no pescoço, pensas que não       vi?

Tom- é verdade, mas eu vim me embora. E tu e k me disseste para ir dançar.

Eu- porque não queria que ficasses aqui por minha causa, sem puderes dançar...desculpa.

Tom- oh baby, ele beija-me mas eu recuso.

Eu- para.

Tom- vamos dançar, não faças isso comigo.

Eu- desculpa, mas akela gaja é uma c....!

Tom- vá esquece isso, vamos dançar baby.

No meio da dança eu desmaiei.(que mico)

Tom- Karine, Karine... (mas eu não acordava)

A Debs e o Bill vieram a correr, ver o que se tinha passado, e a Karine começou a chorar.

O Bill e o Tom levaram-me para o carro e:

Tom- Bill leva a Debs para casa que eu vou levar a Karine para um hotel, se ela não acordar

           eu chamo um médico!

Debs- não, eu quero ir com ela.

Bill- Debs, é melhor não, tu tas muito agitada e ela precisa de descansar. O Tom cuida bem

        dela.

Debs- não, não a minha "sister" não!!!!

Bill- anda eu levo-te a casa.

Em nossa casa, a Debs ainda a chorar diz:

Debs- não vas, fica comigo, não me deixes por favor!

Bill- claro, claro, eu fiko kontigo.

Enquanto isso no hotel, eu acordo.

Eu- Tom, aonde é que estamos?

Tom- calma baby, estamos num hotel, tu desmaiaste e ...

Eu- oh não, de novo não.

Tom- de novo?
Eu- quer dizer, sim de novo.

Tom- e tu não me contas-te nada?

Eu- Tom, eu queria muito sair contig e não queria que ficasses preeucupado.

Tom- NÃO QUERIAS QUE EU FICASSE PREEUCUPADO, OK AGORA TOU MUITO MAIS

           CALMO.

Eu- NÃO GRITES COMIGO!

Tom- COMO É QUE QUERES QUE EU FALE CONTIGO QUANDO TE COMPORTAS COMO SE

           TIVESSES 10 ANOS EM VEZ DE 17!

Eu começo a chorar. Não gostava de mostrar mas era um pouco sensível.

O Tom liga para a minha irmã e conta-lhe que eu ja acordei, diz que está tudo bem mas não a deixa falar comigo.

Eu continuo a chorar.

Tom- baby, desculpa! Não devia ter falado contigo daquela maneira, mas tu comportas-te

           como uma miudinha infantil, eu preeucupo-me muito contigo e não quero que fiques

           doente. O que seria de mim sem ti ?

Eu- deves estar a achar que é facil para mim!- disse eu ainda a chorar.

Tom- não baby, claro que não, mas eu sou o teu namorado e só te quero ver bem!

Eu- eu sei Tom.

Tom- prometes-me que a partir de agora vais me contar tudo, mas tudo mesmo?

Eu- vou, prometo que sim.

Continuei a chorar.

O Tom beijou-me e secou-me as lagrimas.

Eu estava deitada na cama, ele deitou-se e tentou beijar-me, eu recusei.

Tom- o que se passa contigo, baby, o k? ja não gostas de mim?

Eu- claro que gosto, mas tou muito cansada...

Tom- desculpa tens razão, descansa e amanhã logo de manhã, vamos ao médico.

Eu- não...

Tom- xiuuuu. (deu-me um beijo de boa noite.)

           Dorme baby.

 

Digam-me o que acharam desta fic! Gostaram?

 

 


sinto-me: muito confusa; a sério!
música: Scream

publicado por Chinesa11 às 13:39
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
Daniela Sousa

Sou uma gaja com o nome no B.I Daniela Sousa…mas que tem 1a panca pelo nome Kryx!  As vezes gostava de ser criança para sempre…não ter que tomar decisões…não ter de fazer escolhas…não ter perder amigos…não ter de sentir saudades…não ter de odiar people parvo…as vezes gostava que pudesse ser criança ih adulta quando me desse na “telha” mas a vida não é assim….por isso tudo o q aprendi devo aos amiigos ih a família…Obrigada!~A amizade é como o vidro…frágil!  Algumas verdades magoam mas as vezes é preciso ouvi-las, e difícil dize-las! Confiança não é algo que se pede é algo que se conquista!    O amor é como um enigma difícil de resolve-lo, fácil de complica-lo! Magoar é fácil, perdoar é difícil!  Mais difícil do que dizer amo-te é realmente senti-lo! Deixares-te levar é fácil, dizer não é complicado!Apontas-me o dedo por ser diferente eu agradeço-te por seres igual

posts recentes

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

O 4º elemento do meu trio...

I'm Back (L) O 4º element...

People change and Relatio...